quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

12 Dicas para um Natal em Segurança

Sugestões para prevenir acidentes durante a quadra natalícia.
No Natal as famílias reúnem-se e as casas enchem-se da azáfama própria desta época do ano. Infelizmente a agitação deste período pode ser propícia a alguns acidentes e com mais crianças em casa os cuidados têm de ser redobrados. Mas uma das coisas boas do Natal é que geralmente há mais pessoas para supervisionar as crianças e portanto, com um pouco mais de cuidado e alguma prevenção, a maioria dos acidentes poder-se-ão evitar.
Menino Natal
  1. Meu Bom Pinheiro de Natal - Coloque a árvore de Natal numa zona desobstruída, longe de aquecedores, lareiras ou quaisquer outras fontes de calor;
  2. Luzes, Árvore, Acção - Inspeccione bem as luzes que utiliza na sua árvore de Natal. Assegure-se de que não existem fios descarnados e que os isolamentos não estão desgastados. Descarte casquilhos que estejam danificados. Quando substituir lâmpadas certifique-se de que a tensão e a potência coincidem com a lâmpada original. Opte por gambiarras que tenham marcação «CE»;
  3. Ligação Directa - Não sobrecarregue as tomadas ou extensões a que liga as luzes de Natal. Utilize uma extensão que seja suficientemente longa para alcançar a árvore de Natal, mas que não seja demasiado comprida, para que não se entrelace facilmente;
  4. Velar pela Segurança - Se tiver velas acesas, coloque-as em lugares altos, longe de cortinas, camas e sofás e - claro - fora do alcance das crianças;
  5. Noite Feliz - Desligue sempre a iluminação natalícia antes de sair de casa, ou antes de se ir deitar;
  6. Não Brincar com o Fogo - Garanta que os espaços aquecidos por lareiras ou aquecedores a gás tenham uma boa ventilação, para evitar intoxicações por monóxido de carbono. Proteja as crianças das lareiras, salamandras e/ou recuperadores através de barreiras de segurança adequadas;
  7. Bebés, Crianços e Crianças - Verifique se os brinquedos são do grupo etário correcto para cada uma das crianças e se ostentam a marcação «CE», a qual atesta a presunção de conformidade daqueles com os requisitos essenciais de segurança;
  8. Todos os cuidados são poucos - Tenha especial atenção a peças soltas que possam ser engolidas ou aspiradas pelos mais pequenos. Exemplos: enfeites que possam ter caído da árvore de Natal, pilhas, ou pedaços de balões;
  9. Eduardo - Tenha tesouras à mão para abrir as embalagens e chaves de parafusos para montar os brinquedos e colocar as respectivas pilhas. Tenha ambos os objectos sempre fora do alcance das crianças;
  10. Embrulhos, Embrulhadas e Trapalhadas - As quedas são um dos acidentes mais comuns, por isso reduza ao máximo a desarrumação. Assegure-se de que as escadas estão bem iluminadas e livres de obstáculos e que estão protegidas por cancelas, no caso de ter crianças pequenas em casa;
  11. Devagar e Bem – Prepare as refeições festivas com tempo, para prevenir os acidentes com água a ferver, gorduras quentes e facas afiadas, que são tão comuns quando a pressa é muita. Nestes dias, como tende a haver mais alvoroço, será melhor as crianças não irem para a cozinha (onde ocorrem 1 em cada 10 acidentes com crianças). Limpe rapidamente qualquer líquido que verta no chão;
  12. Se conduzir, já sabe, não beba - Quer o percurso seja até outro país, quer seja até “já ali”, nunca descure a segurança rodoviária. Planeie as viagens mais longas para que o cansaço não se apodere de si. Confirme que as cadeirinhas são adequadas à idade, peso e altura de cada criança e que estão devidamente instaladas. Como é frequente haver mais coisas para transportar, acondicione bem as bagagens e todos os objectos dentro do automóvel pois, caso estejam à solta, podem ferir os passageiros com gravidade. Não se esqueça: há Natal e Ano Novo, há ir e voltar como novo!

© 2014 bybebé. Todos os direitos reservados.